Jogando o River

por Alex Scott.

A quinta e última carta comunitária – o river – é talvez a parte mais importante de uma mão no No Limit Hold`em. Jogá-la corretamente pode ser a diferença entre uma boa vitória ou uma terrível perda. Ainda bem que ao chegarmos no river, já ocorreram 3 rodadas de apostas, então teremos mais pistas sobre o que nossos oponentes tem em mãos. Mesmo assim muitos não sabem como usar em seu favor essas informações. Neste artigo vamos elevar nossas decisões no river para outro level, e evitar os erros mais comuns.

Apostando e Aumentando

Decidir se devemos ou não apostar no river é na verdade bem simples. Se apostar, você quer que uma dessas duas coisas aconteça: Ou seu oponente paga com uma mão pior, ou ele folda a melhor mão. Nos dois casos você ganha mais valor do que se você simplesmente tivesse dado check.

Por exemplo, digamos que você tenha A-K e o bordo venha A-K-8-5-3. Neste caso, você deve procurar aplicar uma value bet para que seu oponente pague com uma mão pior, como A8, AQ ou KJ. Em contra partida, se você tivesse 7-2 e não tivesse esperança de vencer a mão dando check você pode fazer uma aposta blefando, e torcer para que seu oponente folde uma mão melhor.

Tanto com 7-2 e A-K em um bordo como A-K-8-5-3 a aposta tem um propósito claro. Com A-K você tenta acrescentar mais dinheiro ao pote, e com 7-2 você tenta expulsar o seu oponente da mão, para ganhar um pote que normalmente você perderia. Toda aposta feita no river deve ter um propósito, e se você não poderá alcançar um desses dois objetivos, é melhor não apostar.

Erros no River

Um erro comum ocorre assim: Você aumenta em posição média com A-T, e apenas o botão paga. O flop vem com Q-T-9, você aposta e é pago. O turn é um 2. Você dá check e seu oponente aposta. Você paga e o river traz um J.

Até agora você tem jogado bem na mão. Entretanto, se você decidir jogar fora uma aposta agora no river (com o terceiro melhor par do bordo), você precisa procurar um médico! Vamos conferir qual o range de possíveis mãos de seu oponente:

1 – Blefe (por exemplo, Ace high)

Talvez ele tivesse pagado a aposta no flop, esperando roubar o pote no turn. Com esse tipo de mão, normalmente seu oponente irá foldar. Entretanto isso não beneficia você, já que você está ganhando de um blefe total. Ocasionalmente seu oponente tentará dar re-raise, forçando você a largar a melhor mão, o que é um desastre.

2 – Um monstro (por exemplo, um straight)

Ele pode ter dado slowplay no flop segurando K-J, ou formou o straight no turn, quando o J apareceu no bordo. Com esse tipo de mão seu oponente irá re-aumentar você. Isso também não lhe beneficia, já que você só tende a perder mais dinheiro.

3 – Uma mão marginal, mas pior que a sua (Um par de noves, por exemplo)

Com esse tipo de mão, seu oponente normalmente foldará, porque o bordo tem 4 cartas para straight e é bem ameaçador. Você não ganhará nada apostando por que, normalmente, ele não irá pagar.

4 – Uma mão marginal mas melhor que a sua (por exemplo dois pares)

Com esse tipo de mão, seu oponente irá foldar algumas vezes, o que é bom para você. Entretanto, eles podem pagar. Temos duas decisões que se igualam, então você não ganhará ou perderá muito.

Tamanho de aposta –

No river, o pote é bem grande, e como sua aposta é relativa ao tamanho do pote, esta é uma boa oportunidade de fazer um bom dinheiro. Em cada street, o tamanho de suas apostas deve girar entre 2 terços do pote. Por exemplo, em um pote com $6, sua aposta “padrão” deve ser de $4. A razão de porque o valor deve girar em torno de 2 terços é o balanço de vários fatores, entre eles:

1 – A probabilidade de você ser pago – Quanto menor a aposta, é mais certo que um oponente comum vá lhe pagar

2 – A quantia de dinheiro que você ganha ao ser pago – Quanto mais você aposta, mais dinheiro você ganha.

Na pratica, a probabilidade de você ser pago não diminui em proporção a sua aposta. Por exemplo, alguns oponentes na verdade irão pagar com mais freqüência quando você faz uma grande aposta. Tente reconhecer esse tipo de oponente e aposte mais para maximizar seus lucros.

Check-Call

Se você está prestando atenção, irá perceber que jogando da forma que indico você irá dar check com muitas mãos de força média (como pares médios, ou top pair, com kicker ruim) no river. Então, como reagir quando ele apostar?

Como exemplo, digamos que nos estágios iniciais de um torneio você tem 9-8 no botão, e o bordo é J-6-3-9-2. Você e seu oponente deram check no flop, ele apostou no turn e você pagou, e no river ele apostou 400 em um pote de 800, o que você deve fazer?

A resposta requer um pouco de matemática, mas vamos simplificá-la. Há 1.200 no pote, e custa 400 para pagar, ou seja, você te pot odds de 1,200 para 400, ou 3 para 1. Sendo assim, para tornar este call uma jogada correta você precisa ganhar o pote 1 a cada 3 vezes.

Neste ponto, uma pequena olhada para trás na mão irá nos indicar a ação correta a tomar. São poucas as mãos que seu oponente pode jogar desta forma, e se seu par de 9 era bom no turn, é muito pouco provável que o 2 do river possa lhe atrapalhar. Um típico jogador que dá blefes irá fazê-lo mais que um quarto das vezes nesta situação, então você deve dar esse call.

Como regra geral, quanto menos seu oponente apostar em relação ao pote, maior deve ser a freqüência do seu call. Quanto mais eles apostam maior deve ser a certeza de que você está na frente para pagar.

Claro que essa regra tem suas ressalvas. Alguns jogadores costumam apostar pouco no river porque querem muito que você pague. Alguns fazem apostas imensas quando blefam. Saiba identificar esse tipo de jogadores e arme estratégias contra eles.

Blefando

E quando chegamos no river sem nenhuma mão? Por exemplo, digamos que você está em posição com 5s-4s. Você aposta no flop Kh-3s-2c, e apostamos no turn que trouxe o Qs. O river traz o Jc. Não há como vencer este pote dando check, então devemos apostar de novo?

O ponto chave na decisão de blefar ou não é: “Minhas ações durante esta mão podem mesmo enganar ele?”. Em outras palavras, você jogaria uma mão verdadeira da mesma forma que jogou esta?

Nos exemplos 5-4, a maioria dos jogadores não iria apostar as três streets a não ser que eles tivessem, bem especificamente, uma trinca ou K-Q. (uma mão mais fraca provavelmente iria dar check em uma das streets para controlar o pote). Se você está enfrentando um bom jogador, seu third barrel provavelmente será pago. Entretanto, há algo a ser dito sobre fazer uma grande apostar aqui – No mínimo 3 Três quartos do pote – contra um jogador inexperiente e tight. A chance deles caírem sobre pressão torna o blefe mais rentável. A decisão depende inteiramente de seu oponente.

Um plano simples

Em resumo, este artigo diz que você precisa criar um plano para qualquer ação que você deverá tomar no river. Se você apostar, a aposta deve ter uma proposta clara. Se você der check, deve ter uma razão. Deixe as adivinhações para seus oponentes.

Compartilhe com seus amigos