José Macedo e Hasseb Qureshi admitem trapaças em jogos online

Outra bomba estoura no mundo do poker. José Macedo, jogador português, um dos recentes “prodígios” do poker mundial, foi pego em trapaças, e admitiu a extensa trapaça nas mesas online.

A descoberta foi feita por um jogador chamado “MossBoss”, no fórum TwoPlusTwo. “MossBoss” teria entrado em um grupo de estudo de Macedo, através do programa de conversas online Skype.

Macedo o encorajou a jogar contra um fraco jogador, chamado “sauron1989”, enquanto Macedo lhe daria dicas. A partida contra o “desconhecido e medíocre” acabou custando $21.900 para “MossBoss”.

“MossBoss” conferiu o histórico de conversas do grupo pelo Skype e notou que Macedo encorajou inúmeros outros jogadores a disputar contra o mesmo “sauron1989”, sempre afirmando se tratar de um jogador fraco e que poderia facilmente ser batido.

Macedo, usando o argumento de que ajudaria os jogadores, ficava sabendo das cartas que eles tinham, e avisava então ao desconhecido “sauron1989”, para que ele pudesse tirar todo o dinheiro deles.

O ex-pró português logo respondeu as acusações. Ele admitiu o roubo e assumiu toda a responsabilidade pelos atos.

“Vou dar um tempo agora. Não há forma certa ou errada de falar isso, então eu vou apenas falar o que aconteceu” disse Macedo no fórum.

“A um tempo eu fiz algo estúpido. Um amigo meu, que eu introduzi ao poker, me sugeriu a trapaça. Eu estou me rendendo, e assumindo qualquer conseqüência sobre meus atos. Eu tenho noção da seriedade disto, e também sei que tenho de me responsabilizar pelos atos cometidos. Eu pagarei a todos que foram lesados, e além disso, pagarei a mais uma compensação de $30.000” Completou Macedo.

As conseqüências da trapaça já começaram. Os dois principais patrocinadores do, até então, novo prodígio do poker cancelaram seus contratos com o ex-pró.

Porém, o caso parece ser ainda maior. O jogador profissional Haseeb “internetpokers” Qureshi foi expulso do grupo CardRunners de acordo com uma nota disponibilizada pelo grupo.

Depois dos ocorridos na chamada “Black Friday”, Haseeb e Daniel Cates divulgaram nota, informando que mudariam para Portugal, para passar um tempo com Macedo e poder voltar a jogar profissionalmente. Com a revelação, neste fim de semana, do escândalo de Macedo, Cates e Haseeb a princípio divulgaram nota cancelando suas mudanças para Portugal.

A reviravolta final se deu ontem, quando Haseeb admitiu que ele e Macedo jogavam um na conta do outro, ato totalmente ilegal no poker online. Como represaria imediata, o grupo CardRunners expulsou Haseeb de seu time.

Compartilhe com seus amigos