Mixando Seu Jogo – Parte 3

Por Christian Kruel25/01/2006

Mixar com os Suited Conectors

Para quem não se lembra, eu estou devendo há um bom tempo a última parte dos artigos “Mixando seu jogo” e para fechá-los, vou falar da minha parte predileta, os Suited Conectors, ou seja, duas cartas conectadas, do mesmo naipe, e preferencialmente mais baixas, como JTs, 98s, 76s e assim por diante.

* Quando falamos JTs, 98s, 76s, este “s” significa suited, ou seja, cartas do mesmo naipe.

Com certeza o suited conectors, são ótimas opções para mixar seu jogo. Vamos ver em seguida algumas boas razões que comprovam isso e mais adiante exemplificarei as situações e estatísticas dos suited concetors.

1) Primeiro e talvez a mais importante – numa situação de Heads UP (mano a mano) os suited conectors estarão sempre “defendidos” por uma boa margem percentual de vitória, exceto os casos em que você estiver encarando um par acima das suas cartas, ou em situações em que você estiver “dominated”, como por exemplo KJ x JTs, sendo você o JTs, logicamente.

Se você tem dúvidas sobre as situações em que você pode se encontrar num mano a mano, leiam um texto artigo meu onde descrevo as situações e os Odds de cada uma delas.

2) Quando você entra de “raise” numa mão com um 87 de paus, por exemplo, institivamente os seus oponentes pensarão que voc&e está com jogo de cartas altas, como AK, ou até pares altos também. E isso é ótimo! Pois assim jogamos pelas cartas baixas, mas impondo aos aversários o respeito de um jogo de cartas ALTAS…

Isso irá lhe permitir apostar tanto com um flop de cartas altas, bem como um flop que lhe for favorável de cartas baixas. E nos dois casos o seu poder de “take it down”, ou seja, de ganhar a mão sem mostrar as cartas, será sempre alto devido ao seu raise no pré-flop.

Trata-se literalmente de um drible no poker: o raise é sempre “lido” pelos oponentes como jogo forte de cartas altas. Vale lembrar que é óbvio que se você conhece muito bem seus oponentes, nem sempre você irá enquadrá-los nesse tipo de jogo. Mas como estamos num cenário on-line com milhoes de pessoas ao mesmo tempo jogando, acreditem que o seu raise tem a conotação de jogo forte na maioria das vezes. E para isso ser 100% verdadeiro, estou considerando que você é um jogador que joga com estilo “tight-agressive”, que considero o mais sólido de todos os estilos.

3) Além dessas duas razões acima, ainda temos um outro bom motivo para mixar com esse tipo de jogo:

Os suited conectors normalmente geram um grande poder de aposta, independente agora da sua atitude no pré-flop! “Mas como assim?!?!?!?!?” você deve estar perguntando… duas cartas conectadas e do mesmo naipe de imediato lhe darão sempre a possiblidade de no FLOP surgirem “draws” de sequência ou de flush. Então já geramos um poder de SEMI-BLUFF , que é justamente o poder de aposta a que eu estou me referindo. Sempre que temos possiblidade de sequência e flush, automaticamente temos um poder de aposta, já que estamos defendidos com outs a nosso favor !

Vamos ver os ODDS em diversas situações contra um suited conector. Meu objetivo com isso é provar para você que na maioria dos casos você está defendido, com vários outs a favor.

E o PRINCIPAL, dominando essas estatísticas você poderá caluclar facilmente seu pot odds em cada situação.

IMPORTANTE: Não podemos confundir isso tudo e achar agora que suited concector é melhor que AA! É muito importante no pre-flop você avaliar a situação e ver se vale a pena você se expor com um suited concector. As duas situações mais “óbvias” que se pode usar essa arma a seu favor, são:

A) quando você tem muita ficha e está comandando a sua mesa num estilo agressivo, e uma mão perdida, não irá lhe afetar tanto

B) outra é quando você está abaixo da média de fichas e precisa se “manifestar” e roubar alguns blinds para conseguir “respirar”. Caso você tome call, provavelmente você estará defendido estatisitcamente.

Vamos às estatísticas: usarei o 87 suited para as análises estatísticas, buscando assim passar uma noção de como você estará em cada situação possível

Situação 1: 87s x duas cartas acima

Ex: 87s x AK ou 87s x QJ – nesse caso, contra duas cartas fortes acima das suas, o seu percentual de vitória estará entre 39% e 41%. Sendo assim, baseie seus cálculos com 40%.

Situação 2 : 87s x par abaixo de suas duas cartas

Ex: 87s x 55 ou 87s x 44 – nesse caso você terá aproximadamente 50% de chance – é uma situação de “coin flip” já mencionada em nossos artigos.

Situação 3: 87s em uma situação dominated

Situação DOMINATED: caso como, por exemplo, A-K x K-Q. A MAIOR carta de um dos jogadores é o K, que é a MENOR carta do outro jogador que tem AK.

Aqui os suited conectors mostram sua “força”, já que geralmente em uma situação onde você se encontra “dominado” como AK x KQ , por exemplo, sendo você o KQ , você terá em torno de 27% de chance.

Porém, com os suited conectors, mesmo quando estão dominados, pelo seu poder de desenvolvimento no flop, com sequências e flushs, o seu percentual sempre girará em torno de 33%.

Como exemplo podemos usar 87s x A7, onde o 87s tem 33%.

Situação 4 : 87s x Par alto.

EX: 87s x AA – nesse caso você tem cerca de 23%.

Neste caso, devemos entender um ponto: será sempre melhor você torcer para que caso seja um par alto , ele sempre seja “longe” de suas cartas que fazem sequência. No caso acima, tivemos um exemplo onde o AA não interfere nas suas sequências.

Vejamos agora o caso de um 87s x 99. Aqui seu percentual diminuirá, já que você tem 2 outs a menos, pois os noves são parte integrante de suas sequências. Sendo assim, aqui você tem apenas 18%.

Portanto, nesse tipo de situação tolere uma margem entre 18% e 23%.

Situação 5 : 87s x Uma acima e uma abaixo.

Esse caso, compreende as situações, onde o seu oponente tem uma carta acima das suas e uma abaixo. Procuro chamar essas situações de “meio”, pois de fato deu 87s está no meio do outro jogo… como exemplo, 87s x A6. Nessas situações seu percentual será sempre em torno de 45%.

Conclusão

Percebemos que, com exceção do caso em que você você estiver contra um par alto, em todas as outras situações você possui um percentual bem razoável de vitória.

Mas por favor! Entendam que essas estatísticas servem para apenas os casos em que você está envolvido apenas CONTRA UM OPONENETE (HEADS UP).

Vamos agora, para finalizar, ver um exemplo de uma jogada que fiz num multi-table, recentemente no partypoker.com.

É importante que você perceba que essa jogada foi bem agressiva, mas eu segui meus instintos e achei que com a força ueq fiz a jogada, meu adversário não tinha uma mão forte suficiente para pagar meu último BET .

Para ver o replay, clique aqui: http://www.pokerhand.org/?224330

Os blinds eram 100-200 e eu tinha 17120 fichas, ou seja, estava naquela situação de “conforto”, onde estava procurando ter controle da minha mesa e, caso errasse algumas jogadas, minhas fichas não ficariam abaladas.

Sendo assim, o segundo a falar abriu raise 600$, e eu paguei os 600$ com meu 7-6 tranquilamente para termos um flop, todos os outros deram fold e assim ficamos numa situação Heads UP. Veio o seguinte Flop:

FLOP: [5 Q 4]

Opa, geramos aqui o que eu havia mencionado, duas pontas para sequência e um poder de aposta forte através de um semi bluff.

Meu oponente dispara um bet de 1600$ e como eu não queria gerar um pote monstruoso ainda (queria ter mais certeza do que meu oponente poderia estar segurando), dei call nos 1600$.

Notem que não tenho pot odds para pagar esse bet, já que a chance de eu fazer sequência nas duas próximas cartas gira em torno de 36%, mas o meu call além de estar defendido, tem a intenção de ver como meu oponente vai reagir no turn (4ª carta), a partir do meu call no flop. E sabendo também que não estou pressionado por fichas e QUE SOU O ÚLTIMO A FALAR NESSA MÃO, o que é de fato mto importante !!

Com o Turn temos :

[5 Q 4][ K]

Ou seja, continuo sem nada, e apenas uma possiblidade até então perdida de fazer sequência.

Meu oponente agora mostra fraqueza e diminui o bet que ele deu no flop, dando apenas um bet 800$, metade do seu bet anterior. Nesses casos ou seu oponente está absoluto tentando te pescar, ou realmente ele não gostou do seu call no flop. Pelo perfil do oponente fiquei na 2ª opção e dei um raise forte de 800$ para 5500$, mas mesmo assim o adversário paga o raise.
AGORA FIQUEI PREOCUPADO! O que será que ele tem? talvez a opção “absoluto” seja a mais adequada então…

Vamos ao River :

[5 Q 4][ K][ 5]

Bom, continuo sem NADA !!! E MEU OPONENTE ABRE CHECK, PEDE MESA, E AGORA PRECISEI PENSAR:

Minha única chance aqui de ganhar o pote é apostando! Mas por que será que meu oponente pagou meu raise no turn? Será que ele está vindo para um check-raise no river? Sinceramente, achei que não e como na 4ª carta virou uma possiblidade de flush com ouros, acreditei que ele pagou meu raise nessa possiblidade. Além disso, no river o 5 ficou dobrado, e pelo meu estilo agressivo, meu oponente com um bet forte pode perfeitamente acreditar que eu fiz um Full-hand!

Sendo assim, disparei BET ALL-IN! E ELE DEU FOLD!

Se quiser ver o replay de novo: http://www.pokerhand.org/?224330

É isso, galera! Parem para pensar e estudar, pois nesse artigo muitos conceitos foram trabalhados..

Abraços! Espero que essa matéria sirva para melhorar ainda mais seu jogo!

CK