Curso de Texas Holdem

Duas cartas acima – Você deve jogar com as chamadas “overcards” ou não? Muitos de seus oponentes jogam rotineiramente com overcards. Suponha que você foi ao jogo antes do Flop com K-J, contra três oponentes e falará depois deles. O Flop foi 8-6-3 de naipes diferentes. O que deve fazer se alguém apostar? Deve dar call, esperando que a carta seguinte seja um rei ou um Valete – uma das seis cartas restantes no baralho que provavelmente lhe possibilitariam ganhar? Ou seria melhor dar fold esperando um novo Flop que melhor contenha sua mão?

A boa decisão envolve saber sobre seus oponentes e as prováveis mãos que costumam jogar. Então, examine o Flop. É um tipo de Flop que tenderá a favorecer um ou mais jogadores? Ou, é tão ruim que dificilmente poderá conter as cartas de um de seus três oponentes? Você também deve estar ciente de que com mais oponentes, mais provavelmente o Flop conteria ao menos o jogo de um deles.

Se sentir qualquer tipo de insegurança no que fazer, fique no lado do cuidado e desista dessa mão até que tenha bastante experiência para se sentir confortável nestas situações.

Flopando uma queda – Quando Flopa uma queda de flush, com quatro cartas de um mesmo naipe, ou mesmo uma queda para sequência em que apenas mais uma carta a complete, terá que se decidir se continua no jogo. Veja como tomar essa decisão. Você precisará de diversos oponentes indo ao jogo, de modo que o tamanho do pote seja compensador comparado às probabilidades matemáticas que você tenha para fechar um dos jogos indicados acima. Quantos precisam permanecer no jogo? Com três ou mais oponentes já valerá a pena tentar dado a relação custo/benefício da mão.

Se você estiver com duas cartas grandes, tais como A-Q, estará também favorecido num embate contra um oponente solitário, não obstante você venha fazer ou não sua mão. Poderá ganhar fazendo um par no Turn ou no River e, algumas vezes, apenas as duas cartas grandes serão suficientes para ganhar num showdown (quando os jogadores mostram o jogo no final da mão), graças ao maior Kicker.

Jogando com diversas possibilidades – Eventualmente, um Flop pode dar à sua mão diversas possibilidades. Suponha que você vai ao jogo com 8h 7h e o Flop é 7c 6d 5h. Você tem o par superior, uma queda para sequência e ainda uma potencial queda para um flush. Uma mão com mais do que um único meio de ganhar é mais forte do que algumas dessas possibilidades consideradas individualmente. Seu par poderá ser ganhador. Sua mão poderá melhorar com uma trinca de oitos ou com dois pares. Ainda poderá fazer sequência no Turn ou no River, ou mesmo um flush se as duas cartas restantes forem de copas.

Veja um outro exemplo: Você vai ao jogo de Ac Jc e o Flop é Ah 9c 4c. As possibilidades de que você tenha a melhor mão e que esteja favorecida para ganhar mesmo se sua mão não melhore, são muito boas. Além disso, com alguma sorte, poderá melhorá-la e até passar a ter uma grande mão. Um Valete lhe daria dois pares fortes, um As lhe daria a melhor trinca possível e qualquer carta de paus lhe daria um flush “nut” (maior jogo possível numa mão).

Com uma mão promissora como esta você deve querer ação. Comece colocando mais dinheiro no pote, se possível até com reraises, caso alguém aumente sua aposta. Entretanto, se perceber que algum oponente irá apostar poderá dar check no Flop, para vir com raise no Turn, ou até mesmo dar call no Flop e raise no turn.

Seis dicas para ganhar no Flop – Aqui estão seis dicas para você jogar com sucesso no Flop:

1 – Se o Flop não contiver sua mão, na maioria das vezes você terá que desistir. O Flop define sua mão.

2 – Quando o Flop lhe der uma grande mão, dê a seus oponentes uma oportunidade de fazer a segunda melhor mão, mas evite a quinta carta, que poderá mudar o jogo fazendo com que eles ganhem.

3 – Se você for novo no Hold’em, fique sempre no lado do cuidado. Custa menos.

4 – Quando você tem uma mão com possibilidades múltiplas, jogue-a rapidamente. Tal postura sempre melhora o valor de suas possibilidades.

5 – Seja seletivo nas mãos que você planeja jogar antes e depois do Flop, mas seja agressivo quando tiver uma grande mão.

6 – Se Flopar uma queda consistente, continue no jogo enquanto o pote for maior do que as suas possibilidades de vir a ganhá-lo, caso a relação mude, desista.

Jogando o Turn – Alguns especialistas do poker sugerem que o Turn se joga. Entretanto, se não puder jogar o Turn no piloto automático, é melhor desistir do que passar a ter problemas. Lembre que se tiver cometido o erro de ver o Turn quando o Flop indicava o contrário, você estará quase sempre colocando dinheiro bom em cima de dinheiro ruim.

Muitas vezes você não verá mesmo o Turn. Terá desistido antes do Flop ou irá desistir sempre que o Flop não contenha suas mãos. Se não houver nenhuma forte razão lógica para estar no pote durante o Turn, você sempre deverá dar Fold. É muito fácil gastar todo seu cacife em uma só vez. Os jogadores fracos fazem isto, pagam as apostas e pagam outra vez. Saiba que pagar qualquer aposta, mesmo que insignificante nela mesma, no conjunto pode significar sua quebra.

Se você for ao Turn, deve estar com uma boa mão, uma queda promissora ou acreditando que seu blefe pode pegar o pote. O que fazer quando melhora? Sua mão pode melhorar no Turn em uma de duas maneiras. A primeira e melhor, acontece sempre que a carta do Turn ajuda a sua mão. Mas também ter benefício se tiver uma mão boa e o Turn – ao não ajudar a sua mão – não venha fazer nada para o seu oponente, qualquer um deles.

Se você tiver dois pares Top e seu oponente apostar, deve dar reraise. Se estiver na later position e nenhum de seus oponentes der bet, vá adiante e aposte. Se você estiver na early position, pesque com check se estiver razoavelmente certo de que um de seus oponentes apostará. Caso esteja torcendo para que os demais jogadores também venham a dar check, abstenha-se de qualquer aposta e dê fold diante de qualquer aumento.

Se você tiver a melhor mão, apostar mais dinheiro faz o pote ficar mais caro para qualquer um que esteja pensando enfrentá-lo, mas não é uma estratégia totalmente livre de riscos. Se seu oponente fizer uma trinca ou cair a carta de sua sequência, esteja preparado para enfrentar reraises.

E quando você não tem? É triste, mas verdadeiro: Na maioria das vezes, o Turn não lhe ajudará. O que fazer?

Se você tem uma queda possível para sequência ou flush e estiver sentado depois de dois ou mais oponentes, poderá pagar alguma aposta feita no Turn. Entretanto, se na mesa houver um par, alguém apostar e um outro aumentar antes de você, tome cuidado! Poderá enfrentar um full house. Se você for, ainda poderá ter o azar de receber uma queda favorável, mas morta.

Você pode estar diante de uma trinca ou dois pares. Uma vez ainda, conhecer seus oponentes lhe ajudará a determinar se pode enfrentá-lo. Se você estiver depois de alguém que nunca dá raise com um board contendo três cartas do mesmo naipe, a menos que você possa bater o provável flush, deve dar fold.

Se o Turn não ajudou e houver uma aposta antes de você, não só o custo da mão aumentou, mas o número de futuras apostas diminuiu. Você tem menos oportunidade de ganhar de seus oponentes se você fizer sua mão. Além disso, muitos deles provavelmente darão Fold no Turn, deixando você com poucos oponentes para ganhar deles, se efetivamente vier a ser afortunado no River.

Compartilhe com seus amigos